• notavelabrantes

#patrocinado | Alfredo Jorge de Macedo Bobela da Motta

25 de agosto de 1905.



A 25 de agosto de 1905 "nasce na Quinta dos Telheiros, filho do oficial de marinha Augusto de Paiva Bobela Motta e de D. Maria Luísa Loureiro de Macedo, Alfredo Jorge de Macedo Bobela da Motta.


Emigrado para Angola em 1924 (depois da meninice em Goa e estudos em Lisboa), aí viria a destacar-se sobretudo como jornalista, tendo sido também poeta e contista. Antes da independência, dirigiu a Sociedade Cultural de Angola e chegou a ser preso pela PIDE; depois, foi um dos fundadores da União dos Escritores Angolanos.


Das suas obras literárias merecem destaque: Letras descontadas, crónicas, 1974, e Não adianta chorar, contos, 1977. Usou também os pseudónimos Luís Videla e Paroquiano.


Casou com D. Lídia da Cruz Bento, em Moçâmedes (1929), vindo a falecer em Benfica (Lisboa), em 1978." (1)

Fonte: (1) "História Cronológica do concelho de Abrantes - da Pré-História a 1916" - Joaquim Candeia Silva - CMA



+ sobre S. Vicente, S. João e Alferrarede.



Visite o nosso canal no Youtube: aqui.

Acompanhe o Notável Abrantes no Facebook e Instagram!

43 visualizações

Posts recentes

Ver tudo